Parede acústica verde e sustentável

Jardins verticais, ou também conhecidos como paredes verdes, são uma solução antirruído como parede acústica além de oferecer uma imagem verde e sustentável nas cidades e grandes centros urbanos.

Parede acústica 01

Módulos em planta foram ensaiados na pesquisa como parede acústica. Credit: UPV/EHUdes

Parede acústica é definida como uma parede que recebeu algum tratamento acústico e tem como função isolar ou absorver os ruídos, impedindo que o som entre ou saia do local, ou ainda que um ambiente não seja muito ruidoso.

Mas, a parede acústica verde funciona para o tratamento acústico em quais situações?

Num futuro próximo, o uso de paredes verdes em projetos arquitetônicos trará inúmeros benefícios como melhorar a qualidade de vida, poupar energia, aumentar a biodiversidade, controlar águas pluviais, minimizar o desperdício e poluição e também trazer tranquilidade diminuindo o ruído urbano.

A engenheira agrícola Zaloa Azkorra desenvolveu uma pesquisa sobre os benefícios do jardim vertical como parede acústica. Ela concluiu que paredes compostas por plantas são muito eficientes, pois absorvem ruídos e podem ainda ser usadas no isolamento acústico.

Para representar as paredes verdes em sua pesquisa, a engenheira utilizou-se de módulos em planta. A vegetação foi inserida em caixas de poliuretano e mantidas por irrigação orgânica, isto é, alimentadas e regadas num sistema similar ao hidropônico usado em estufas.

A absorção e isolamento acústico foram analisados de acordo com as normas ISO. O teste de absorção de ruídos foi realizado na câmara reverberante (a câmara em que paredes refletem o som em todas as direções), ao longo da frequência. As paredes verdes obtiveram bom desempenho em redução de ruído tanto em baixa quanto em alta frequência o que é incomum, pois materiais normalmente tem bom desempenho ou em alta, ou em baixa frequência.

As paredes verdes também se comportaram como isolante acústico. O processo de medição do nível de ruído de isolamento foi o mesmo que o da absorção em que as plantas estavam fixadas na parede do laboratório. Ao fim da medição, conclui-se que se a massa em cada módulo fosse aumentada ou o espaço entre eles preenchido, o sistema de isolamento acústico por paredes verdes poderia ser mais eficiente.

A parede acústica verde é eficiente, mas também cara!

Paredes verdes dentro e fora de edifícios alcançam melhor desempenho acústico nas construções, além de serem visualmente atrativas e estarem na moda. No entanto, para manter esses sistemas o custo se torna oneroso e ainda existe muito o que melhorar. No momento a engenheira Azkorra vê os jardins verticais como parede acústica somente como alternativa em construções diferenciadas.

 

Traduzido e adaptado de: http://phys.org/news/2015-01-green-walls-effective-acoustic-insulation.html

 

Ingrid Knochenhauer de Souza – Eng. Civil especializada em acústica
Pablo Giordani Serrano – MEng. Mecânico especializado em acústica

__________________________

> Este conteúdo lhe foi útil? Comente e colabore com o Portal Acústica. Sua opinião nos ajuda a melhorar.

Que tal ter direito a uma conversa de 30min com nosso especialista em acústica? Você pode tirar suas dúvidas e obter informações precisas para sua necessidades. É só responder nossa Pesquisa Portal Acústica clicando aqui.

 



 

Inscreva-se agora para a live de acústica em igrejas
1 responder
  1. Paulo Rodrigues
    Paulo Rodrigues says:

    Que coincidência! Hoje mesmo tivemos uma defesa de dissertação de mestrado com esta temática na UFPA e pretendemos seguir com as pesquisas buscando a melhoria do desempenho acústico desta tecnologia. Fico muito feliz de ver esta matéria no site.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Resolva a equação para comentar *